Mais de 4 mil pessoa acompanharam a Noite Fieldcrops


Por Equipe FieldCrops

Reitor da UFSM, Paulo Burmann, fez um discurso na abertura da Noite parabenizando a Equipe .

Um sucesso de público, apresentações e transmissão. Assim pode ser definida a I Noite FieldCrops e III Noite SimulArroz que aconteceu na terça-feira, 17 de setembro, no auditório Flávo Miguel Shneider, anexo ao prédio 42 do Centro de Ciências Rurais, no Campus da Universidade Federal de Santa Maria, em Camobi.

O start nas palestras coube a coordenadora do Provarroz, Camila Pilownic, do Instituto Rio Grandense do Arroz (IRGA). Ela apresentou sobre o programa que visa incentivar o consumo do grão no estado, além de listar os benefícios para a saúde e cadeia orizícola. Na sequência o Engenheiro Agrônomo, da Otimiza Consultoria, Patias Canroberk trouxe como tema a diversificação, com o enfoque da rentabilidade na Cultura da soja.

Por fim, o economista chefe da Farsul, Antônio da Luz e a Engenheira Agrônoma da TMG, Samira Librelon falaram sobre inovações tecnológicas e o mercado financeiro do agronegócio. Da Luz, de forma carismática, contava com a interação do público ao questionar temas pertinentes do setor, tais como valor agregado ao produto e vendas.

Transmissão da I Noite FieldCrops III Noite SimulArrooz

O reitor da UFSM, Paulo Afonso Burmann, comenta que a I Noite FieldCrops III Noite SimulArroz “é um encontro importante que favorece na construção de relações que levam a novos mecanismos e tecnologias para a produção do arroz no Rio Grande do Sul”. Ele ainda ressalta, “são projetos que repercutem de maneira positiva e engrandecedora”.

O coordenador do IRGA Fronteira Oeste , Ivo Mello, também participou do evento.

Quem participou das Noites anteriores também se diz impressionado com a organização do evento. O coordenador do IRGA, Fronteira Oeste, Ivo Mello, disse ter ficado surpreso. “A Equipe busca temáticas que estejam candentes no momento e trazem de uma forma que a gente consegue compreender e ser desafiado”, revela. Mello continua, “a Equipe traz essa “aura de se desafiar”. Isso é bastante importante, principalmente para esta juventude que está dentro da universidade. Estão de parabéns, somos parceiros e vamos continuar parceiros sempre, para que estas iniciativas tragam bons ares para as pessoas, para que consigam trabalhar melhor e gerem uma maior qualidade de vida para as nossas comunidades”, conclui Ivo Mello.

Ao traduzir em números o sucesso da Noite, o coordenador da Equipe FieldCrops, Nereu Streck, aponta: “o evento reuniu 252 participantes na plateia e mais de 4 mil pessoas acompanharam ao vivo pelo Facebook do Mais Soja, que viabilizou a transmissão. “Fantástico!”, finalizou.

A I Noite FieldCrops e III Noite SimulArroz tem como realização a Equipe FieldCrops e o apoio da UFSM, IRGA, Agittec, Emater/ RS- ASCAR, Unipampa, TMG, Otimiza, Mais Soja, Canmsul, Adubasul e Fluída Assessoria de Comunicação.

Texto e fotos: Lorenzo Franchi/ Fluída Assessoria de Comunicação

Deixe um comentário