Inicia a colheita de soja na capital nacional do arroz


Por: Equipe SimulArroz

Lavoura de soja na Granja Lovato, em Cachoeira do Sul, foi colhida dia 26/02/2017.

Considerada a capital nacional do arroz, Cachoeira do Sul está localizada na região Central do RS, e tem ampliado a área semeada com soja a cada ano e, hoje, o município possui a segunda maior área semeada com a oleaginosa no Estado. Com o início da colheita da soja no RS, uma das primeiras lavouras colhidas em Cachoeira do Sul está localizada na Granja Lovato, localidade da Sanga Funda. A lavoura, de 17 ha, foi semeada com a cultivar de soja Pioneer 95Y72 no dia 09/10/2016, início da época recomendada para semeadura de soja no RS.

De acordo com a Equipe SimulArroz, há uma tendência durante os últimos anos no RS, principalmente após a introdução de cultivares com crescimento indeterminado e grupo de maturidade relativa menor que 6.0, de os produtores rurais anteciparem a época de semeadura da soja. A antecipação da semeadura visa ajustar a ocorrência de períodos críticos do desenvolvimento da lavoura com períodos que proporcionem condições meteorológicas mais favoráveis para o desenvolvimento e crescimento da planta de soja. Além disso, semeaduras realizadas antes do primeiro decêndio de novembro permitem as lavouras de soja expressar maiores produtividades de grãos, quando comparado às semeadas no final de novembro e em dezembro.

Produtividade da lavoura de soja colhida em Cachoeira do Sul no último domingo é acima da média do RS na safra passada.

A lavoura de soja do senhor Irialdo Lovato e de seu filho Alan Arrial Lovato apresentou um manejo com baixo a médio custo de produção. É importante destacar que o baixo uso de inseticidas e fungicidas durante o ciclo de desenvolvimento da soja está vinculado a três fatores principais: 1) as condições meteorológicas durante o desenvolvimento da lavoura, 2) antecipação da época de semeadura associado 3) ao ciclo curto da cultivar. A interação desses fatores fez com que a pressão de insetos e doenças fosse baixa durante praticamente todo ciclo de desenvolvimento da soja nesta lavoura.

Com o término da colheita, a produtividade média informada por Alan Lovato foi de aproximadamente 64 sacas/ha (3.852 kg/ha). Ainda, segundo Alan, as práticas de manejo foram similares às realizadas na maioria das lavouras de soja do RS como, por exemplo, densidade de semeadura de 14 sementes por metro linear e espaçamento entre linhas de 0,45 m. O controle de plantas daninhas, insetos e doenças, foram realizados de maneira preventiva, visando impedir que essas pragas prejudicassem a produtividade de grãos da lavoura. O Senhor Lovato destacou que a lavoura foi escarificada antes da semeadura, em virtude da compactação do solo. A produtividade de grãos da lavoura localizada na Granja Lovato é, aproximadamente, 15 sacos/ha acima da produtividade média do RS na safra 2015/16.

 
 
 
 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *